Preço de combustíveis é alvo de investigação do Procon em municípios de RO | Bastidores da Notícia

0
O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) iniciou nesta semana uma operação para investigar os preços cobrados nos postos de combustíveis de Guajará-Mirim e Nova Mamoré (RO). O foco das fiscalizações está nos preços da gasolina e do óleo diesel, mas também nos serviços oferecidos pelos estabelecimentos.


Segundo o Procon a operação foi motivada porque o órgão recebeu várias denúncias de consumidores alegando que os preços dos combustíveis cobrados nos postos de Guajará-Mirim são abusivos e maiores do que os preços cobrados em Nova Mamoré e na capital.

Até esta quarta-feira (27), pelo menos dois postos já tiveram várias irregularidades encontradas e receberam um prazo para se adequar às normas exigidas, além de serem notificados.

Um relatório também será enviado para que a Agência Nacional do Petróleo (ANP) tome providências em relação aos casos.

 As equipes do Procon investigam também a legalidade de funcionamento dos postos e se o teste de qualidade dos combustíveis são oferecidos ao consumidor, caso ele queira solicitar, pois todos os postos têm obrigação de ter um funcionário capacitado para este serviço.

“Está sendo abordado tudo, alvarás, licença de funcionamento da ANP, se há o teste de qualidade feito na hora para o cliente que solicitar, o posto tem que ter obrigatoriamente um kit para o teste e o funcionário para mostrar que a gasolina é de boa qualidade e não possui adulteração”, encerrou.

Ainda segundo o Procon, as fiscalizações iniciaram na última terça-feira (26) nos postos das zonas urbana e rural de Nova Mamoré e acontecem até a próxima sexta-feira (29) nos dois municípios. (Com informações do G1.)

SAIBA MAIS SOBRE AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DE NOVA MAMORÉ E GUAJARÁ MIRIM.

Postar um comentário

 
Top