A EMPRESA NO CENTRO DA ECONOMIA – Por Claudiomir Rodrigues | Bastidores da Notícia

0
Empresário, é hora de falar do futuro, de novas perspectivas, de novas oportunidades… O Brasil começa a dar sinais de recuperação econômica e, chegou então, o momento de discutir o papel da empresa no contexto político, social e econômico brasileiro. Empresas fortes sobrevivem às dificuldades, mas se unindo serão ainda mais fortes e conseguirão juntas, vencer as barreiras que lhes são impostas.

O Município de Nova Mamoré já figura como uma das grandes potências no Estado de Rondônia na produção de carne e leite, o setor agrícola encontrou o caminho da produção em larga escala com a soja, milho, arroz… A agricultura familiar vem sendo fomentada e ampliada e, agora, a notícia de que os estudos avançam para construção de uma hidrelétrica dentro do território do Município, nos traz a responsabilidade e a necessidade de discutir o desenvolvimento da região de forma coletiva e sem perca de tempo. “Precisamos acordar. Ficar esperando a crise passar é coisa de quem não acredita em nada e fecha os olhos para não ver que existe oportunidade em quase tudo”!

Nosso lugar vai ser o centro das atenções em breve. Já tem muita gente de olho nas coisas que ainda não vimos. “Terras com preços baixos, imóveis urbanos sendo vendidos a preços abaixo do mercado, atividades comerciais ainda não exploradas, comércio de serviços não explorados, centenas de milhares de bolivianos do outro lado do rio ávidos por comprar e vender, região propícia a criação de peixes em cativeiro quase sem exploração, belezas naturais ainda não exploradas turisticamente, proximidade com dois grandes centros consumidores (Porto Velho/Rio Branco), excelente oportunidade para implantação de um polo universitário com cursos voltados para a área da produção”. … Nova Mamoré cabe todo tipo de negócio, o povo é trabalhador e gosta de produzir. Existem as dificuldades? É claro que existem! Mas não podemos nos prender a elas: Internet, energia elétrica deficiente, poder público sem força para investir nos serviços básicos, falta de capacitação de pessoas, falta de legalização da documentação de áreas urbanas e rurais – são todos problemas que precisam ser superados. Mas onde não existe problema?

Então, só nos resta sentar à mesa, discutir e avaliar o que queremos, mas precisamos fazer isso juntos e não pensando individualmente e sim coletivamente. O 1º Simpósio empresarial de Nova Mamoré será um bom

momento para isso. Na palestra magna, “A IMPORTÂNCIA DOS LÍDERES NO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO”, proferida por Oscar Moreira, consultor do Sebrae/MG, Advogado, mestre em educação, pós-graduado em gestão pública e membro do instituto qualidade Minas e da Associação do circuito do ouro de Mariana MG e membro da agência de desenvolvimento da região norte de Minas gerais e tecsystem em gestão empresarial da FEDERAMINAS, tratará o desenvolvimento regional e a importância de estar associado a uma entidade que te represente em sua fala. Neste mesmo evento, a assinatura da Lei Geral Federal 123, regulamentada no Município será assinada pelo Prefeito, bem como a ativação da Associação comercial e Industrial de Nova Mamoré.

O evento acontecerá dia 12 de setembro ás 20:00 horas nas dependências da Igreja Metodista Wesleyana ao lado do Cartório de notas e contará com a presença de várias autoridades da capital ligadas aos setores empresarial, político e econômico.

O evento será realizado pelo Sebrae-RO, Prefeitura de Nova Mamoré e Associação Comercial.

Fica o convite para que o primeiro passo seja dado junto por todos, porque individualmente cada um já está fazendo sua parte, creio eu! “Muitos estão reclamando da crise – até porque ela realmente atingiu a todos, mas enquanto uns choram, outros aproveitam e vendem lenços”!
 (Claudiomir Rodrigues)

Autor: Claudiomir Rodrigues

Postar um comentário

 
Top