Problemas com espinhas de peixe ajudaram empreendedor a criar alternativas de consumo | Bastidores da Notícia

0

Agroindústria de Alta Floresta do Oeste comercializa peixe tratado e sem espinhas


O peixe faz parte da gastronomia rondoniense, mas apesar de muito saboroso, as espinhas acabam complicando o consumo desse alimento para quem não tem o hábito ou a habilidade. E a solução para este impasse veio de uma agroindústria do município de Alta Floresta do Oeste, a Peixe Fácil Processado, que participa da 6ª Rondônia Rural Show, em Ji-Paraná.

Giulvan Ribeiro é o proprietário da agroindústria, e explica que tudo começou há cerca de 10 meses para resolver um problema entre familiares.

‘‘Começou com uma brincadeira porque a minha família gosta muito de peixe, o problema eram as espinhas e a dificuldade de limpar os peixes, e daí surgiu esta ideia de colocar o peixe já limpo e sem espinhas no mercado. E tem dado certo’’, contou.

Segundo Giulvan, para todo o público, mas especialmente as crianças e os idosos, esta alternativa no mercado vem para facilitar o consumo do peixe. No estande, o público pode conferir opções como bolinho, filé e costelinha de tambaqui. ‘‘Estamos explorando o pescado rondoniense. O tambaqui é o que tem aumentando cada dia mais a produção no estado’’.

Ele orgulha-se de ter apresentando a novidade ao governador Confúcio Moura quando realizou visita ao pavilhão que conta com mais de 60 agroindústrias.

Fonte:SECOM

Postar um comentário

 
Top