Bernardinho pode ser candidato a governador do RJ pelo partido Novo | Bastidores da Notícia

0

Ex-treinador da seleção masculina de vôlei deixou o PSDB e se filiou ao Partido Novo


O vitorioso Bernardinho, ex-treinador da seleção brasileira masculina de vôlei, trocou o PSDB pelo Partido Novo e frustrou os planos dos tucanos, que sonhavam em lançá-lo como candidato ao governo do estado do Rio de Janeiro nas eleições de 2018.

De acordo com o jornal O Globo, o senador Aécio Neves, que é presidente nacional do PSDB e amigo de Bernardinho, tenta reverter a decisão. Mas de acordo com o presidente do Partido Novo, João Amoêdo, a filiação do treinador aconteceu no ano passado e que já existe um projeto da legenda de lançá-lo como governador.
“Eu acho que tem muita gente no Brasil que gostaria de votar nele, não só por ser um vencedor, um formador de equipe, mas pelo cenário em que a gente precisa trazer novas lideranças para a política. Agora, é uma mudança de vida que eu sei que não é fácil para ele”, disse Amoêdo ao jornal carioca.
Enquanto isso, Aécio tentou minimizar o abandono do treinador campeão olímpico. “Estou certo de que qualquer projeto eleitoral que ele venha a abraçar ocorrerá em parceria com o PSDB ou, quem sabe, dependendo do que venha a ocorrer na reforma eleitoral, no próprio PSDB. Ele continua tendo conosco as melhores relações”, afirmou o senador.
Apesar do desejo dos partidos, Bernardinho ainda não se decidiu se vai ou não ao pleito do ano que vem.

Postar um comentário

[Copa do mundo 2018][vertical][recent][5]

 
Top