Professora de RO é premiada após criar aplicativo de livros didáticos | Bastidores da Notícia

A professora de português Márcia Fernandes da Silva de Candeias do Jamari (RO), a 25 quilômetros de Porto Velho, foi a vencedora do Prêmio Boas Ideias 2016, promovido pelo Governo de Rondônia. O trabalho que levou a docente ao primeiro lugar no concurso foi a criação de um aplicativo que disponibiliza conteúdo digital de livros didáticos para estudantes da rede pública. O prêmio de R$ 13 mil pela inovação foi entregue na última quarta-feira (26) na capital. Outros dois projetos também foram premiados.

A edição do prêmio foi realizada no estado e reuniu 310 projetos inscritos. Destes, 242 foram selecionados pelos critérios técnicos para a fase seguinte. Após a pontuação técnica, os projetos foram votados pelos servidores através da internet. O resultado apontou os dez primeiros selecionados para disputar a etapa final. Todos os finalistas receberam medalhas comemorativas.

A professora de português Márcia Fernandes da Silva foi a primeira colocada na iniciativa com o projeto "Acessibilidade e Eficiência do Livro Didático", com a criação do aplicativo que disponibilizada obras digitais, na temática Uso Eficiente dos Recursos Públicos.

O segundo lugar foi para Crislei Tavares de Sá, servidora do Departamento Nacional de Trânsito de Rondônia (Detran-RO) em Candeias do Jamari. Ela recebeu o prêmio de R$ 8 mil com o projeto "Lei Seca, Educação Para o Trânsito e o Atendimento ao Cidadão São Prioridades do Detran".

Representando a capital, o servidor também do Detran Edrei Riça dos Santos Cruz foi classificado em terceiro lugar na iniciativa, com o projeto "Unificação das Bases 192 e 193 de Serviços de Urgência e Emergência do Corpo de Bombeiros". Ele foi premiado com R$ 6 mil.

A premiação dos vencedores do Prêmio Boas Ideias 2016 faz parte das comemorações da Semana do Servidor Público, segundo nota da assessoria.

fonte: g1

[Copa do mundo 2018][vertical][recent][5]

 
Top