Após 80 dias de prisão dos suspeitos, vítima muda versão dos fatos | Bastidores da Notícia

No dia 11 de junho do ano corrente, uma jovem de 22 anos, moradora do município de Chupinguaia, relatou que havia sido sequestrada por dois homens, que a levaram para uma mata e lá, um destes havia mordido seus seios, lhe causando hematomas e o outro, a teria violentado.
(FOTO: Divulgação/Reprodução.)

Um amigo da jovem, que recebeu uma mensagem de texto por parte da vítima o informando dos fatos, acionou a Polícia Militar, que realizou diligências pelo local até localizar os suspeitos, de 26 e 29 anos. Porém, já na delegacia, a jovem se negou a registrar a ocorrência e o laudo do exame de corpo de delito, deu negativo para a presença de sinais de violência no corpo da vítima.

Após 80 dias que os suspeitos estavam detidos, uma audiência foi marcada no último dia 31, mas a jovem não compareceu, sendo necessária sua condução coercitiva nesta quarta-feira (06), onde a mesma negou que tivesse havido conjunção carnal entre ela e os acusados.

Diante dos fatos, o juiz expediu alvará de soltura para os suspeitos, os inocentando de qualquer culpa.

Matéria: Extra Rondõnia
 
Top