Menina de 6 anos é hospMenina de 6 anos é hospitalizada após ser estuprada por vizinho | Bastidores da Notícia

Uma menina de 6 anos foi internada em Porto Velho, durante o fim de semana, depois de ser estuprada pelo vizinho, em Cerejeiras, na região do Cone Sul. O suspeito do crime é um vizinho da criança, um jovem de 19 anos. Ele confessou que praticou o abuso após usar substâncias entorpecentes.

Menina de 6 anos é hospitalizada após ser estuprada por vizinho. (FOTO: G1/RO/Reprodução)



Após o estupro, a criança foi levada para o Hospital São Lucas de Cerejeiras. A unidade explicou que a menina recebeu atendimento médico e foi transferida, em seguida, para a capital. A unidade não forneceu mais detalhes sobre o estado de saúde da vítima.

O jornal entrou em contato com o Hospital Infantil Cosme e Damião, em Porto Velho, mas a unidade não informou sobre o tratamento médico da criança.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito se apresentou no sábado, no início da noite, na Delegacia de Polícia Civil de Cerejeiras. O delegado responsável pelo caso, Rodrigo Spiça, diz que no primeiro interrogatório o jovem negou que havia cometido o estupro.

Contudo, horas depois, enquanto aguardava os trâmites para ser encaminhado para a Casa de Detenção, ele pediu para dar um novo depoimento.

Na nova versão, o jovem contou que comprou três pedras de crack e começou a fazer uso após o almoço, pois a família havia saído de casa.

“Quando a menina chegou à residência, durante à tarde, ele disse que estava passado de tanto usar a droga e que não se lembra, ao certo, do que aconteceu”, ressalta Spiça.

Após o abuso, ele saiu de casa e se escondeu no mato até o fim da tarde de sábado. “Ele disse que estava com medo de alguém fazer algo contra ele e resolveu se entregar”, explicou.

A Polícia Civil já havia identificado o suspeito e feito o pedido da prisão temporária. A Justiça acatou o pedido e o jovem era considerado foragido.

Com a apresentação, o mandado de prisão foi cumprido e o rapaz indiciado por estupro de vulnerável com qualificadora de lesão grave.




Crime

De acordo com a Polícia Civil, a mãe teria pedido para a criança ir até à casa da vizinha, pedir um remédio a uma senhora que mora no local. Na casa moram a mulher, dois netos e dois filhos.

O suspeito é um dos filhos da mulher e havia chegado à quarta-feira (24) da fazenda onde trabalha. No momento em que a menina foi até a casa, o jovem de 19 anos estava sozinho em casa e teria praticado o estupro.

A menina voltou para casa e, quando foi ao banheiro, chamou a mãe, pois estava sangrando. A mulher chamou a polícia e levou a filha para o hospital do município, que depois foi encaminhada para a capital.


Fonte: Globo.com
 
Top