Justiça condena trio que assaltou e roubou fuzis da Armada Boliviana, no Distrito do Araras | Bastidores da Notícia

Justiça condenou três pessoas acusadas de roubar 11 fuzis e munições da Base Naval da Bolívia, no distrito de Araras, área rural do município de Nova Mamoré.

O Juízo da 1ª Vara Criminal de Porto Velho condenou três pessoas acusadas de roubar 11 fuzis e munições da Base Naval da Bolívia, no distrito de Araras, área rural do município de Nova Mamoré, em dezembro de 2015 e comercializar o armamento com grupos criminosos. Foram condenados ADRIANO OLIVEIRA DA SILVA (4 anos e seis meses de prisão no regime semiaberto), CLEMILDO SOUSA OLIVEIRA (5 anos de reclusão no regime semiaberto) e JORGE SOUZA TRINDADE (3 anos de prisão no regime semiaberto). A condenação foi por infração ao artigo 16 da Lei 10.826/03 – Posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, prevista no Estatuto do Desarmamento. O armamento foi roubado dia 6 de dezembro. A prisão dos três acusados e outras oito pessoas aconteceu dia 17 de dezembro de 2015 em um sítio da BR-319, sentido Porto Velho/Humaitá por agentes da Delegacia de Repreensão a Ação Criminosas (Draco) e policiais militares da Comando de Operações  (COE). Com informações Rondoniaovivo
 
Top