LIBERADO - Acusado de executar vizinha por causa de cachorro se apresenta a polícia | Bastidores da Notícia

O mototaxista Ueliton J.O S (33), se apresentou na manhã desta terça-feira (21), acompanhado de advogada na Delegacia de Homicídios, onde confessou ter matado a tiros no último dia 15, Noêmia Silva dos Santos Reis. O acusado disse que a motivação do crime teria sido uma rixa por causa de um cachorro.
Noêmia foi atacada no momento que conversava com amigos em frente a residência onde morava, localizada no bairro Mariana, região Leste de Porto Velho. Ueliton foi ao local e ambos passaram a discutir. Enfurecido o mototaxista saiu e poucos minutos depois retornou armado e executou a mulher, que ainda tentou correr. A vítima foi baleada e morreu nos braços da mãe.
De acordo com o delegado Francisco Borges responsável pelo inquérito, Ueliton se apresentou espontaneamente, mas durante todo o interrogatório permaneceu em silêncio.  A advogada que a vítima e o assassino tinham uma rixa antiga e no dia da morte “ele esquentou a cabeça e infelizmente cometeu o crime”.  Após prestar depoimento, o réu confesso foi liberado e vai responder em liberdade.


Fonte: Rondoniaovivo
 
Top