Jovens criam grupo de whats-App para informar blitz, populares denunciam e eles vão parar na Delegacia | Bastidores da Notícia

Fonte: Evisson/RomiporãFM
_________________________________________________________________________________________________________________________________________________
NOVO LOGO POLICIA  ESPIGÃO MATERIA GIF











Um crime  um pouco  inusitado aconteceu neste dias  de fiscalização de  trânsito em  Espigão do Oeste,  segundo Boletim de  ocorrência  registrado  pelo  comandante da  Polícia Militar Ten.  Marink,  informações  chegaram até  o centro de  operações que  alguns  jovens haviam criado  um  grupo de whats-App “Grupo da Blitz” na  finalidade  de  informar aos infratores de trânsito onde  estavam  acontecendo  as blitz  “operações  de trânsito” para  que  pudessem desviar delas.
O  Núcleo de Investigações da  Polícia  Militar conseguiu  interceptar  conversas  do  grupo,  onde  foram  tirados vários  prints que  servirão  como provas do  crime.  Nas  conversas do grupo além  de  informar a localização, alguns jovens incitam  a  população  contra  a polícia.  Nesta  interceptação  foi  pego a conversa  do  próprio  administrador xingando  a  policia  de  filhos  da p…, porcos e  outros  nomes de baixo calão, além de  pedir para que  a população  jogasse  bomba dentro  do Quartel.
 Alguns dos infratores  já  identificados  foram  encaminhados ao HPS  para exame de  corpo  delito apresentados na UNISP   e entregues  ao  comissariado de  plantão  para que  sejam  tomadas  as medidas cabíveis  ao caso, já os infratores pegos  foram autuados por  desacato, incitação  ao  crime, atentar  contra  a  segurança  pública e  contra  o  serviço de  utilidade Pública, o crime está previsto no artigo 265 do Código Penal.
A Polícia Militar irá combater uma prática que se tornou comum em várias  cidades  do  pais e os avisos sobre pontos de blitz pelo whats-app. Mas, o que muita gente não sabe, é que alertar sobre pontos de fiscalização é crime previsto no Código Penal e existe punição.
Fonte: Evisson/RomiporãFM
 
Top