Polícia diz que assassinos iam levar cabeça de 'Birrinha' como troféu | Bastidores da Notícia

A informação foi obtida junto a agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida, que disseram à nossa equipe de reportagem, que os assassinos de Ednildo Paula Silva iam decapitar a vítima e levar a cabeça dele como troféu.

Um dos homens, chegou a sacar uma faca e quando ia arrancar a cabeca da vítima e levar, desistiu por conta do filho de Birrinha ter começado a gritar e chorar.

Birrinha estava em um carro modelo Celta com a esposa e um filho de 10 anos,  quando um bando o cercou. Os assassinos bateram no carro da vítima,  que se chocou contra um muro. Em seguida pelo menos três homens desceram atirando. Os tiros atingiram Ednildo no rosto e outras partes que morreu na hora.

Após o crime os assassinos fugiram pulando muros de residências na região. O corpo de "Birrinha" foi removido por peritos do IML.

A vítima era apontado pela polícia como um homem de alta periculosidade e era conhecido também como o "Rei do Urso Branco".
Fonte: Rondoniaovivo
 
Top